TRADUTOR

Seguidores

sábado, 16 de janeiro de 2010

MÃE YEMANJÁ QUANTO DESRESPEITO



Mãe Yemanjá, mãe da vida, cuja essência é a água que vivifica.

Yemanjá , Senhora da Geração cujas irradiações estimulam os seres a ampararem as criaturas. Ela é maternidade pura que envolve os seres, os ampara e os encaminha diligentemente, protegendo-os até que estejam aptos a se guiar.

Mãe de todos, como choro ao ver o teu reino invadido por homens que o desrespeitam, com a grave desculpa que estão te homenageando.
Quanta impureza nestes dias acontece, quanta arbitrariedade, quanto desvio de conduta, tudo porque pretendem usar o teu reino para festejar, festejar a Senhora da Vida justamente transgredindo todas as normas que protegem a natureza.

Como se não bastassem ainda em seus limites, na areia dão expansão a demonstrações de pura vaidade, não querem ali praticar a caridade, que seria a melhor forma de te agradecer a sagrada proteção, querem sim cada tenda se tornar mais bela e atrativa que a outra.

Festejam dizendo que saúdam os Sagrados Orixás, e acabam tornando o nome de nossa Umbanda cada vez mais deturpado.

Ah! Quanta tristeza para quem olha de fora, para quem vai ali a procura da paz de teu reino, quanta sujeira em nome de oferendas que na verdade Vós preferirias o respeito às tuas águas.

Tenho pena daquelas tendas humildes, que com grande sacrifício para ali se dirigem, e ao ali chegarem encontram de tudo menos o ambiente apropriado para uma festa de fé.

Tenho pena daqueles que vão ali com o coração repleto de amor, puros e se chocam com tanta anarquia.

Mas não peço por estes poucos, peço-te por aqueles que se deixaram levar pela vaidade, pelo poder, que já não distinguem o certo do errado, que não percebem o quanto deturpam a verdade, muito menos o mal que fazem aos que vão ali para assistir uma homenagem de fé, muitos com intenção de conhecer a Umbanda, e o que vêem nada tem a ver com a religiosidade, parece um grande espetáculo.

Peço-te ó Mãe que gere nos corações destes filhos que deturpam o teu Reino e a nossa amada Umbanda, um sentimento que os impulsione para a conscientização do grande mal que fazem, de tal forma que nunca mais usem o teu reino para fazerem demonstrações de poder, para saciarem os seus próprios egos, a própria vaidade que carregam.

Peço-te agora pelos puros em sua fé, por aqueles que se entristecem ao ver o teu reino invadido pelas deturpações dos outros, que eles não desistam jamais, que a fé deles seja redobrada e que o espírito de luta contra as Trevas jamais esmoreça, que tenham a certeza que a LUZ sempre será vitoriosa, e que a verdade sempre haverá de reluzir.

Agora Mãe da Vida te peço perdão em meu nome e em nome de toda esta humanidade, que por omissão, ou por atos impuros imaculam o sagrado Mistério da Vida.
Em nome de Zambi e de Oxalá, peço o Mãe Yemanjá que nos proteja sempre. e que eu jamais me afaste das Leis Sagradas da Geração da Vida e do Amor.

Ditado por Zumbi
psicografado por Luconi
14-01-10

3 comentários:

  1. Amiga da alma e do coração,
    A sua presença em nosso espasço só embeleza com seus comentários.
    Eu rogo ao Divino Mestre que preencham suas vidas de muita luz.
    Sublimes abraços

    ResponderExcluir
  2. Lindo,
    Ta chegando o dia da NOssa mae Iemanja!
    Um beijo para vc e muito obrigada pelas suas visitas e seus comentários no meu blog..
    Um beijo com muita luz para vc!

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigada Amiga da Alma,
    Sua presença sempre trás muita paz aos nossos corações.

    Estou com saudades.
    Beijinhos no coração

    ResponderExcluir

SEJAM BEM VINDOS FICAMOS FELIZ COM SEUS COMENTÁRIOS QUE NOS INCENTIVAM E ACARINHAM NOSSOS CORAÇÕES